Os estudos de representações sociais nas pesquisas em Ensino de Biologia: um levantamento a partir das seis edições dos ENEBIOs

25/10/2019

Autores:

VITTORAZZI, D. L.; PIN, J, R, O.; ROCHA, M. B.; TESTA BRAZ DA SILVA, A. M.
CEFET - RJ - Centro Federal de Educação Celso Suckow da Fonseca

Resumo:

As pesquisas em Ensino de Biologia, desde seus proêmios, têm empregado diferentes contribuições teóricas e metodológicas na discussão de diversos temas da área, assumindo destaque a Teoria das Representações Sociais, proposta por Serge Moscovici, nos estudos que atentam para o conhecimento de senso comum. O presente trabalho se propôs a analisar produções das seis edições dos Encontros Nacionais de Ensino de Biologia (ENEBIOs) que trouxeram como referencial a teoria em questão. Os resultados revelaram uma crescente apropriação da teoria, porém as pesquisas se mostraram restritas quanto aos seus objetos e sujeitos. A partir dos dados obtidos percebe-se que as contribuições dos estudos de representações sociais têm se intensificado, sinalizando novos caminhos e tendências para o Ensino de Biologia.

Palavras-chave:

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS, ENSINO DE BIOLOGIA, ENEBIOS

Agência de fomento:

CAPES, CNPQ e Prefeitura Municipal de Castelo

Acesse o trabalho completo: https://https://sbenbio.org.br/wp-content/uploads/anais/anais_vii_enebio_norte_completo_2018.pdf